Natalini em defesa de área verde em Pirituba

Nesta 5ª feira (12), acontece a última audiência pública, coordenada pela Comissão de Política Urbana da Câmara Municipal de São Paulo, para discutir o Projeto de Lei (PL) 670/2002, de autoria do vereador Gilberto Natalini (PV/SP). O PL dispõe sobre a inclusão na Zona de Uso Especial Z-8/200a, atual ZEPAM,  do imóvel localizado de frente para a Avenida do Anastácio, número 704, no bairro de City América. 

A propositura visa dar um novo tratamento do uso e ocupação do solo, na área de 55.605 m², localizado no bairro de City América, em Pirituba, divisa com Parque São Domingos. A referida área num passado recente abrigou as instalações comerciais da empresa MANAH Fertilizantes. A empresa preocupada com o meio ambiente, ainda na década de 80, decidiu  em suas instalações, plantar diversas espécies da flora brasileira, como forma de defender a natureza. Tal iniciativa tornou a área um dos mais significativos bosques de matas brasileiras que vem sendo mantido pela atual proprietária, a ABB, empresa Suíça, que trabalha com tecnologias de energia e automação. 

Um dos lugares de exuberância da flora nacional, com muitas nascentes, constituída pela intervenção do homem, na cidade de São Paulo, a referida área merece um novo tratamento pela municipalidade, uma vez que a cidade carece de arborização e permeabilidade do solo.

A referida área constitui parte de um conjunto de áreas de relevante interesse da nossa cidade, onde podemos citar o próprio bairro de City América, dotado de ruas arborizadas (zona estritamente residencial), o Parque Cidade de Toronto, o Casarão do Anastácio, dotado também de significativa área verde, e, do outro lado do Rio Tietê, a City Lapa, zona com as mesmas características do City América.

Portanto, transformar a referida área em ZEPAM, conforme prevê a Lei n° 8.328, de 02 de
Dezembro de 1975, significa contribuir para a conservação da qualidade de vida não apenas daqueles que ali habitam, mas privilegiar a cidade de São Paulo, com mais áreas permeáveis, com zonas extensas de contribuição para o conforto térmico, bem como ampliar as áreas de resguardo da avifauna paulistana.

 

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

You must be logged in to post a comment.



Saúde SUS    Meio Ambiente e Sustentabilidade    Urbanismo    Biblioteca    Demais Atividades     ComissaoDaVerdade