20.000 pessoas assinam documento pela criação do Parque da Moóca

O vereador Gilberto Natalini (PV), protocolou na Câmara Municipal de São Paulo o Projeto de Lei (PL) nº 32/2018 que cria o Parque Municipal da Moóca no terreno de quase 100 mil m² entre as ruas Barão de Monte Santo e Dianópolis. A área abrigou por mais de 50 anos uma distribuidora de combustíveis da Esso, subsidiária da multinacional Exxon Móbil, e estava em processo de remediação do solo e das águas subterrâneas que foram contaminados pelas borras enterradas com resíduos químicos.

Atendendo pedido de moradores da Moóca, que há mais de uma década está na luta pela implantação de um parque no trecho como forma de compensação pelos danos ao meio ambiente, Natalini decidiu apresentar o Projeto de Lei após confirmar junto a Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) que a área está livre dos poluentes.

A comunidade da Mooca coletou 20.000 assinaturas em abaixo assinado pela criação do parque e na última 4ª feira (28),  se reuniram com Natalini, para discutir estratégias para aprovação do PL.



Saúde SUS    Meio Ambiente e Sustentabilidade    Urbanismo    Biblioteca    Demais Atividades     ComissaoDaVerdade